23/04/2018 (86) 8176-6846

Fotos

Governadores do Nordeste vão visitar Lula na prisão

Encontro está marcado para terça e o objetivo é agradecer a Lula pelas ações no Nordeste quando era presidente.

Por Redação 09/04/2018 às 09:01:39

Os governadores do Nordeste planejam uma viagem, nesta terça-feira (10), para Curitiba. Eles querem fazer oficialmente uma visita ao ex-presidente Lula, preso na sede da Polícia Federal na capital do Paraná. A viagem é organizada pelo governador do Ceará, Camilo Santana (PT) e até o momento, apenas o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, não confirmou presença.

Ao O DIA, a assessoria de imprensa do governo do Estado confirmou que Wellington Dias (PT) vai compor a caravana. Ele esteve em São Paulo, ao lado do ex-presidente Lula em vários dias na semana passada e agora deve ir a Curitiba. Lula teve prisão decretada na quinta-feira (5) e foi preso no sábado (8) em São Paulo. Ele foi condenado à prisão no caso Triplex.

"O ex- presidente Lula no final do seu mandato com aprovação de 80% do povo brasileiro e considerado, disparado, o melhor presidente da República para região Nordeste do Brasil. Esta visita com governadores do Nordeste, é uma clara posição, suprapartidária, da gratidão do nosso povo, que representamos por ele, neste momento difícil", diz o governador, do Piauí, ressaltando que Lula não cometeu crime e é um preso político e a meta dos opositores é tirarem Lula das eleições deste ano.

Wellington Dias disse ainda que um líder do tamanho de Lula não é preso porque representa uma causa, que é a luta por um país democrático, soberano, desenvolvido mas com inclusão dos miseráveis e dos mais pobres no desenvolvimento. Dias também chama a atenção para o fato do país estar dividido.

"O país está dividido, o ódio e a intolerância sendo disseminado por meios de comunicação de massa e decisões de membros das instituições. Os três Poderes enfraquecidos no Brasil. E assim defendo que os líderes temos encontrar saída para costurar o Pacto que foi rasgado, o Pacto de 1988 foi escrito na Constituição Federal. É o manual ou seguimos ou piora mais ainda a vida, os negócios, a democracia no Brasil. E quando piora, é ruim para todos", pontua.





Publicada por Eudes Martins

Fonte: O Dia

comentários