18/11/2018 (86) 8176-6846

Educação

Mãe faz abaixo-assinado para conseguir reforma em escola municipal de São Caetano

Paula se reuniu com outras mães e pediu para que a Defesa Civil fosse à escola para avaliar a situação

Por Redação 23/06/2018 às 09:13:03

No último dia das mães, a corretora de imóveis Paula Garcia foi à escola do filho, a Escola Municipal de Educação Infantil Helena Musumeci, em São Caetano, e percebeu que os espaços estavam com muitas rachaduras nas paredes, buracos no teto e infiltrações. No dia, ao questionar funcionários, ela ouviu que, por causa desses problemas, as crianças eram retiradas das salas quando chovia. Ela decidiu então começar um abaixo-assinado para reivindicar da prefeitura uma reforma. O documento online já tem 36 mil assinaturas.

De acordo com ela, funcionários informaram que os reparos são pedidos há vários meses, mas não são atendidos. "Eles (Prefeitura) passaram manta asfáltica, mas dura um ano, desgasta. Esses procedimentos são paliativos, tapa buracos. Nos últimos sete anos não teve nenhuma reforma", disse.

Paula se reuniu com outras mães e pediu para que a Defesa Civil fosse à escola para avaliar a situação. "Disseram que não tinha risco. Teve criança com crise respiratória, porque o telhado está com mofo. O que queremos, como mães, é que subam um telhado para proteger a laje, para não ter mais infiltração", afirmou.

Em nota, a Prefeitura de São Caetano do Sul disse que depois de constatar problemas de infiltração de água de chuva na laje abriu um processo administrativo para a contratação de uma empresa de engenharia para fazer os reparos, mas afirmou que não há nenhum tipo de risco estrutural. Informou também que o processo encontra-se em fase de execução de peças técnicas e que durante as obras as crianças serão transferidas para outra escola de rede municipal. (Veja abaixo nota na íntegra).

"De nada adianta aplicar manta em um telhado deteriorado, é preciso fazer uma reforma", escreveu Paula em seu abaixo-assinado. Até esta sexta-feira (22), o documento estava com 36.249 assinaturas. A meta é chegar em 50 mil.

Nota da Prefeitura

"Após solicitação da Secretaria Municipal da Educação (SEEDUC), o corpo técnico da Secretaria Municipal de Obras e Habitação (SEOHAB) efetuou vistoria no local e constatou que a Unidade Escolar apresenta problemas referentes à infiltração de água de chuva na laje de cobertura, não havendo nenhum tipo de risco estrutural na edificação.

Autuou-se processo administrativo para contratação de empresa de engenharia para execução dos serviços necessários com finalidade de sanar os problemas.

Nesse momento, o processo administrativo encontra-se em fase de execução das peças técnicas, incluindo projeto arquitetônico, planilha orçamentária e memorial descritivo, para a viabilização de procedimento licitatório e contratação dos serviços.

Secretaria Municipal de Educação de São Caetano do Sul esclarece que, no período de execução dos serviços necessários para sanar os problemas na EMEI Helena Musumeci, os alunos serão alocados em outra escola da rede municipal de ensino, mais próxima da escola em questão, acompanhados pelos profissionais que os atendem atualmente, garantindo a continuidade da qualidade ofertada a todos os nossos alunos".

Fonte: G1

comentários